Notícia

Cepea: rentabilidade do confinamento este ano será de 10% ante 13% em 2015

Um dos motivos da queda é o aumento dos custos de produção, liderado pela alta do preço doméstico do milho A rentabilidade da atividade de confinamento este ano será reduzida e deve ficar em 10%, ante 13% alcançado no ano passado, afirmou o professor Sergio De Zen, do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq/USP), durante o painel de economia e mercado que é realizado nesta terça-feira, 14, na BeefExpo, em São Paulo. Um dos motivos da queda é o aumento dos custos de produção, liderado pela alta do preço doméstico do milho, principal insumo usado na atividade. Ele ressaltou que falta investimento na pecuária brasileira, principalmente em pastagens. “Precisamos ser rentáveis e, para isso, precisa haver investimento. A pecuária tem recebido muito pouco investimento em pastagem e em variedades de pastagem”, disse o professor. Para ele, a pecuária brasileira foi, por muito tempo, competitiva pelo baixo custo da terra mas, hoje em dia, esse modelo mudou e, por isso, é preciso repensar nos sistemas de gerenciamento. “Se a carne brasileira é competitiva ainda assim, imagina se fizéssemos bem feito”, afirmou. Estadão Conteúdo